Fazer Fácil, o maior site de ensino de coisas práticas do Brasil
Pesquisa Personalizada
Início >>Categorias>>Motos>>Normas de serviço
Fazer Fácil também está no Twitter Fazer Fácil também está no Youtube

Normas de serviço para o conserto de motos


Use somente as ferramentas com medidas em milímetro (sistema métrico) para efetuar serviços de manutenção e reparos na moto

Parafusos e porcas com medidas em milímetros não são intercambiáveis com parafusos e porcas com medidas em polegadas (sistema inglês). O uso incorreto de ferramentas ou de elementos de fixação pode danificar a motocicleta.

Ferramentas especiais são projetadas para remover ou substituir uma peça ou um conjunto específico sem provocar danos

O uso de outro procedimento, sem utilizar as ferramentas especiais adequadas, pode danificar as peças.

Limpe a parte externa da peça ou do conjunto antes de retirá-los da motocicleta ou antes de abrir a tampa para efetuar o serviço.

A sujeira acumulada na parte externa pode cair dentro do motor, na parte interna do chassi ou do sistema de freios, causando danos posteriormente.

Limpe as peças após a desmontagem, mas antes de medi-las para verificar o desgaste.

As peças devem ser lavadas em solvente não inflamável e secadas com ar comprimido. Tenha cuidado com as peças que contêm anéis de vedação ou retentores de óleo, já que essas peças são afetadas negativamente pela maioria dos solventes.

Cabos de controle não devem ser dobrados ou torcidos

Isto poderá dificultar o movimento e causar danos prematuros dos mesmos.

Evite dobrar ou torcer cabos de controle

As peças de borracha podem deteriorar com o tempo e têm enorme facilidade em ser danificadas por solventes e óleo

Verifique essas peças antes de remontá-las e substitua-as se for necessário.

Para remover uma peça fixada com parafusos e porcas de diversos tamanhos, deve-se começar a desapertar de fora para dentro em sequência cruzada, soltando primeiro os parafusos e as porcas de menor diâmetro

Se desapertar primeiro os parafusos e as porcas de diâmetros maiores, a força exercida sobre os menores será excessiva.

Os conjuntos complexos, como as peças de transmissão, devem ser guardados na ordem correta de montagem e amarrados firmemente com arame

Isto irá facilitar o trabalho posterior de montagem.

Guarde as peças complexas na ordem de montagem e amarradas com arame

A posição de montagem das peças essenciais deve ser anotada antes de desmontá-las

Isto permitirá que as dimensões (espessura, distância ou posição) sejam corretamente duplicadas no momento da montagem.

As peças não reutilizáveis devem ser substituídas sempre que forem desmontadas

Essas peças são as juntas, arruelas de vedação, anéis de vedação, retentores de óleo, anéis elásticos e cupilhas.

Os rolamentos de esferas são removidos utilizando as ferramentas que aplicam forças em uma ou ambas (interna ou externa) pistas de esferas

Se aplicar a força somente em uma pista (interna ou externa), o rolamento será danificado durante a remoção e deverá ser substituído. Se aplicar a força em ambas as pistas de maneira igual, o rolamento não será danificado durante a remoção.

Maneira incorreta de remover os rolamentos de esfera

A limpeza do rolamento de esferas deve ser feita em solvente não inflamável e em seguida secá-lo com ar comprimido

Aplique o ar comprimido segurando as duas pistas de esferas para evitar que ele gire. Se permitir o giro do rolamento, a alta velocidade gerada pelo jato de ar pode exceder o limite de velocidade do rolamento, causando assim dano permanente.

Os rolamentos de esferas são testados (após a limpeza) girando lentamente a pista interna enquanto segura a pista externa

Se sentir alguma folga radial ou aspereza, este rolamento deve ser substituído. O rolamento não deve ter folga axial e se houver, o rolamento deve ser substituído.

Como fazer o teste do rolamento de esfera

Próxima

Veja também:

Pesquisa Personalizada

Fazer Fácil - Política de Privacidade - Um site da HHC Internet